SPFC

Portão 7

Revista P7

Eventos

Aconteceu no P7

PÁSCOA NO COD
As crianças do Centro de Orientação Desportiva Roberto Dias Branco (COD), tiveram uma visita especial na primeira semana de abril. Trazendo ovos de Páscoa do São Paulo para todos os alunos, o coelho agitou a manhã e a tarde das crianças no clube. Para os menores, a brincadeira começou antes, com caça ao tesouro e gincanas na quadra.

CONTADOR DE HISTÓRIAS ESPECIAL SOBRE PETS
Com os quadrinhos de Joca Maloca, pequenos sócios aprenderam um pouco mais sobre os cuidados com os animais de estimação O “Contadores de História” de março, foi ainda mais especial. Com o tema Animais de Estimação, as contadoras
tinham a missão de passar para as crianças os valores que os seres humanos têm que ter com os animais. Com encenação e quadrinhos, as crianças se encantaram com as histórias de Joca Maloca e Juca Maluco, do blog http://jocamaloca.blogspot.com.br/, da autora Elisa Cohen. Previamente, as crianças mandaram suas fotos com seus pets. Em forma de varal, as fotos decoraram o Cine Tricolor durante as atividades. A iniciativa foi uma parceria das diretorias Social e Feminina, visando orientar de uma forma animada e lúdica os pequenos sócios, que adoraram a atividade.

XFC 2015
Com disputa de cinturão entre brasileiros, São Paulo FC sediou mais um grande evento de luta A noite do dia 14 de março foi agitada no São Paulo FC, e a madrugada do dia 15 terminou fervendo no ginásio 1. Valendo cinturão na categoria mosca do XFCi9, Allan Puro Osso e Bruno Macaco fizeram grande luta de cinco rounds. Sob protestos da torcida, que apoiava Allan, os árbitros deram a vitória para Macaco. Já Poliana Botelho nocauteou Antonia Silvaneide Marretinha
e sagrou-se campeã do GP peso mosca feminino do Xtreme Fighting Championships, levando a medalha de ouro para casa. O primeiro combate do card principal foi protagonizado pela brasileira Juliana Werner contra a russa Julia Berezikova. A russa aplicou uma chave de joelho, no segundo round, e finalizou a brasileira. O combate seguinte foi novamente vencido pela Rússia contra o Brasil. A luta entre Gennadiy Kovalev e Will Galvão terminou com decisão unânime da arbitragem em favor do gringo. Antes de tudo isso, oito lutas formaram o card preliminar para animar os mais de dois mil apreciadores de luta presentes, sendo grande parte de sócios do Tricolor.

CAMPEÕES DO CIRCUITO DE OUTONO DO SPFC

O DEPARTAMENTO DE GOLFE DO SÃO PAULO FUTEBOL CLUBE REALIZOU O PRIMEIRO TORNEIO DE 2015: O “CIRCUITO DE OUTONO”, NO GUARAPIRANGA GOLF & COUNTRY CLUB, NA CAPITAL PAULISTA, NO DIA 12 DE MARÇO.

O golfista amador, Christopher Daniels, com 73 net, foi o campeão na categoria Diamante, enquanto o vice-campeão foi Gilberto Oliveira Santos, com 74 net. Na categoria Ouro, a vitória foi de Mauro Razuk, com 72 net, e o vice-campeão Luis Vissotto, com 74 net. Tatiana Levy venceu na categoria Prata, com 65 net, e Antonio Aparecido de Souza, com 71 net, ficou em segundo lugar. Na categoria Bronze, o campeão foi Marcel Ono, com 38 pontos, e o vice-campeão foi José Fernando Barone, com 31 pontos. Na categoria Sênior, a vitória foi de Carlos Alberto Pontes Pinto, com 34 pontos, e Nelson Aoki, com 33 pontos, ficou em segundo lugar. Pascal Sauberli ganhou prêmio especial de near pin para as categorias Ouro/Diamante. O evento inaugural, além da confraternização habitual, contou com novos desafios e ótimas premiações para todas as categorias. Outro destaque foi a competição paralela por equipes (preta, branca e vermelha) do Troféu “Governador Laudo Natel”, em que é considerada a pontuação dos 10 primeiros atletas colocados em cada categoria. No Circuito de Outono, a equipe Vermelha foi campeã com 180 pontos, seguida pela Branca com 176 pontos e a Preta, com 156 pontos. O torneio também valeu pontos para o ranking interno de 2015, que auxilia na formação da equipe para o Interclubes da Federação Paulista.

EQUIPE MUITO MAIS QUE ESPECIAL

Há tempos, sabe-se do desejo dos pais de crianças especiais em verem seus filhos inseridos em grupos sociais e a iniciativa de tornar isso possível, através do esporte, foi somada à ideia dos gêmeos Luis e Wilson Celis, que já haviam manifestado a vontade de criar uma turma em que pudessem se adequar. “Eles procuraram o vice-presidente Social e de Esportes Amadores, Antônio Donizete Gonçalves, o Dedé, e o diretor do DEA, Fernando Bracalle Ambrogi, o Chapecó, que os orientaram a me procurar. Sugeri que eles coletassem a assinatura de apoio dos associados, para fazermos uma solicitação formal. Pensei que seria fogo de palha, mas me surpreendi. Os meninos foram atrás e conseguiram grande apoio, então notei que o sonho deles poderia se realizar”, contou o diretor adjunto de Futsal, Eduardo Polido de Oliveira, o Pirinha. A primeira turma, que foi formada no final de 2014 e conta atualmente com 13 atletas, com idades entre 17 e 25 anos de idade, inclui portadores de Síndrome de Down, autistas, deficientes físicos e visuais e é comandada pelo professor Hugo L. Cunha da Silva, que também vivencia seu primeiro contato com os especiais. “É muito gostoso vê-los aprendendo e praticando uma atividade física. Eles desenvolvem habilidades que os pais não imaginam que podem apresentar”, afirmou. Hugo contou ainda que o apoio, acompanhamento e motivação dos pais têm sido primordial para a melhora dos atletas, pois é importante que eles mantenham a hidratação e uma alimentação saudável e equilibrada, pois o consumo de energia, durante as aulas, é muito grande. 

A metodologia de abordagem aos atletas é sempre positiva e motivacional. O professor vibra, exalta e aplaude cada acerto ou sucesso da turma, mas também chama atenção quando necessário. “Mesmo com pouco tempo de existência, posso afirmar que é impressionante o que eles vêm amadurecendo a cada treino. O sorriso e a felicidade estampada nos rostos deles são impagáveis”, exalta Pirinha. Apesar de a arbitragem ser um pouco mais tolerante quanto às punições, as regras da modalidade são as mesmas. Já os exercícios preparatórios executados nos treinamentos são adaptados às limitações individuais. “Uma grande conquista foi a aquisição de bolas coloridas. Elas são ótimas e ajudam muito no treinamento dos meninos com deficiência”, conta o professor. Relatos dos pais indicam que após o início das atividades, seus filhos apresentaram melhora na sociabilização e mostraram-se mais dispostos para atividades que envolvem esforços físicos. Apesar de a turma ser recém-formada, o São Paulo Futebol Clube já faz grandes planos para o futuro. “Com o aumento da turma, poderemos segmentá-la e começar a participar de amistosos com outros clubes que já têm suas equipes consolidadas. Existem competições importantes tanto em nível estadual, quanto nacional e o clube tem potencial para chegar lá”, afirma Hugo. Já Pirinha, quando indagado sobre projetos futuros, contou que não estão restritos apenas ao esporte, mas sim às áreas artística e cultural. Os treinos acontecem às segundas-feiras, das 20h30 às 21h45 no ginásio 1. Mais informações na CAU.

WAVE CLUB

Atendendo ao pedido dos associados e sob o comando do gastrônomo empresário Fernando Kamide, que há 19 anos está a frente do seu grupo de empresas, tais como Kamide Buffet, e Espaço Séjour, reconhecido no mercado paulistano e um dos mais conceituados do ramo, o São Paulo FC inaugurou nos dias 24, 25 e 26 de abril, o Wave Club, restaurante saudável e gourmet. Os três dias de inauguração, permitiram que os associados e diretores que compareceram em grande número, saboreassem os diferentes perfis do cardápio. As comidinhas de boteco, os drinks e a música ao vivo agradaram ao público da sexta-feira (24), animando um delicioso happy hour. No sábado foi a vez da feijoada acompanhada por produtos orgânicos que, com muito samba, embalou a tarde dos associados, e no domingo foi dia de saborear um buffet completo, com diversas opções de assados e saladas, que agradaram os mais diferentes gostos. Fernando, que já realiza grandes eventos Tricolores, como Festa Junina, Festa Italiana, Festa Portuguesa, Dia das Mulheres, Dia das Mães, caminhadas, entre outros, recebeu grande apoio e incentivo do vice-presidente Social e de Esportes Amadores, Antônio Donizete Gonçalves, e juntos, decidiram estreitar ainda mais a relação com o clube, que não terá apenas uma, mas duas novidades fixas no São Paulo FC: além do Wave Club, no mês de outubro, Fernando abrirá o Quiosque Verde, ponto que comercializará grande variedade de produtos naturais.

“São quinze anos de parceria com o São Paulo Futebol Clube, em que pude identificar, junto à diretoria, a necessidade de termos um ponto alimentício que proporcione essa variedade gastronômica aos sócios. A alimentação saudável é uma das principais preocupações, principalmente das mães, em uma época invadida por fast foods”, salienta Fernando. Localizado no ponto de maior movimentação do clube, em frente ao vão livre Vilanova Artigas, o restaurante visa atender aos mais variados perfis, baseado em três diferentes tipos de atendimento: a lanchonete, que suprirá a falta de opções frente à necessidade de uma refeição rápida ou um lanche saudável, o gourmet, que trabalhará com as linhas de buffet e à la carte, e o happy hour, que servirá bons petiscos e coquetéis para aqueles que desejam compartilhar de bons momentos com os amigos ao final do dia. O Wave Club atenderá às áreas do solário e Espaço Vila Nova Artigas, de terça a sábado, das 10h às 22h e domingos, das 10h às 20h. Durante a semana, o menu será servido a la carte, com opções de pratos rápidos e tradicionais, apresentando ainda o “menu kids”, com opções que atenderão aos jovens são-paulinos. Já nos finais de semana, buffet completo com produtos da linha orgânica e cozinha gourmet, acompanhado por atrações musicais. A famosa feijoada não foi esquecida e poderá ser saboreada aos sábados. Venha conhecer!